Início do cabeçalho do portal da UFERSA

Projeto Caatinga

Juazeiro adulto.

Descrição sumária

Ziziphus joazeiro é uma árvore presente na caatinga, amplamente conhecida por seus frutos e principalmente por oferecer vasta sombra durante todo o ano.

Nomenclatura científica

Ziziphus joazeiro Mart.: Magnoliophyta (Angiospermae); Classe Magnoliopsida (Dicotyledonae); Ordem Rhamnales; Família Rhamnaceae; Gênero Ziziphus.

 Sinonímia botânica: Ziziphus guaranitica Malme e Ziziphus gardneri Reissek (CARVALHO, 2007).

Nomes comuns

Joá, juazeiro, juá, juá-bravo, juá-de-boi, juá-espinho, juá-fruta, juá-mirim, laranjeira-de-vaqueiro, loquiá (nome dado pelos índios carijós) (MAIA, 2004).

Importância cultural/econômica

O juazeiro é utilizado para restauração florestal e em sistemas agroflorestais. Árvore com características apícolas, também pode ser empregada no paisagismo de cidades por apresentar frondosa copa com ampla sombra. As folhas do juazeiro estão presentes durante todo o ano e junto com os frutos são amplamente usadas como forragem para caprinos, ovinos e suínos e, até, pelos cães.

Trata-se, também, de uma espécie produtora de lenha (CONCEIÇÃO e PAULA, 1986). A madeira dessa espécie é empregada localmente para diversas finalidades, como cabos de ferramenta, canzis, tarugo ou prego de madeira, para construções rurais, moirões e em marcenaria (CARVALHO, 2007).

Importância ecológica

Trata-se de uma espécie perenifólia, característica e exclusiva de várzeas da região semiárida (Caatinga). Seu profundo sistema radicular permite retirar água do subsolo para manter-se verde durante o período de estiagem.

Fenologia

Mantém a folhagem verde durante todo o ano, podendo apresentar uma redução nos anos mais secos ou, antes do início da floração. A planta pode perder as folhas durante o período de estiagem. Renova a folhagem em outubro, no maior vigor da seca. A floração ocorre no final da estação seca e inicio da estação chuvosa e a frutificação ocorre na estação chuvosa (MAIA, 2004).

Distribuição geográfica

O Juazeiro ocorre de forma natural no Brasil, nos estados da Bahia, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia (CARVALHO, 2007).

 

Referências

  1. CARVALHO, P. E. R. Juazeiro – Ziziphus joazeiro. Embrapa, Colombo, PR. Embrapa Florestas. Circular Técnica 139, 2007.
  2. MAIA, G. N. Caatinga: árvores e arbustos e suas utilidades. 2. ed. Fortaleza-CE: Printcolor Gráfica e Editora, 2012.
  3. CONCEIÇÃO, D. de A.; PAULA, J.E. de. Contribuição para o conhecimento da flora do pantanal mato-grossense e sua relação com a fauna e o homem. In: SIMPÓSIO SOBRE RECURSOS NATURAIS E SÓCIO-ECONÔMICOS DO PANTANAL, 1., 1984. Corumbá. Anais. Brasília: EMBRAPADDT, 1986. p.107-136. (EMBRAPA-CPAP. Documentos, 5).
1 de novembro de 2017. Visualizações: 1838. Última modificação: 26/03/2020 14:11:30